Permacultura, organização coletiva e atitude [vídeo reportagem]

A idéia é complexa: lutar contra o capitalismo e o monopólio das grandes redes. Como? Utilizando o conceito de permacultura para implantar hortas comunitárias em espaços públicos. Consumindo e distribuindo a produção. Vai resolver o problema? Não vai quebrar o Pão de Açúcar, mas no meio onde o Núcleo Libertário Organizado (NU.L.O.) instala sua horta ele também instala discussão política, disseminação do conhecimento, interação social, esperança, utopia.

Permacultura é um conceito criado por dois ecologistas australianos, Bill Mollison e David Holmgren, na década de 1970. Sua aplicação vai além de trabalhar com ambiente de forma harmônica e completamente sustentável. Ela contempla também um sistema de financiamento viável, uma distribuição justa dos recursos gerados e a perfeita integração do homem com a sociedade e a natureza.

O NU.L.O. se reúne semanalmente na Unesp de Assis/SP para discutir textos anarquistas e revolucionários, além de trabalhar em ações diretas diversas, como as hortas, a edição e distribuição da fanzines, entre outras. Quem apresenta, e faz parte, desta história é o Márcio, 23 anos, aluno do curso de história na Unesp. Em poucas palavras ele explica como não é difícil descomplicar.

Coletivos como o NU.L.O. podem se organizar por livre inciativa em qualquer lugar para construir projetos de apropriação e bom aproveitamento do espaço público.

NU.L.O. | https://www.facebook.com/coletivodeestudosmarxistaseanarquistas
Permacultura | http://pt.wikipedia.org/wiki/Permacultura

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

São quatro os pontos de permacultura do NU.L.O. no campus da Unesp de Assis/SP. Um atrás da central de aulas do curso de História, outro próximo ao prédio de Engenharia Biotecnológica, mais um na lateral Departamento de Letras Modernas e na parte detrás do Restaurante Universitário.

A Moradia Estudantil da Unesp de Assis/SP também tem um canteiro, além de abrigar uma composteira que gera terra fertilizada para todas as outras hortas.

A Moradia Estudantil da Unesp de Assis/SP também tem um canteiro, além de abrigar uma composteira que gera terra fertilizada para todas as outras hortas.

A Moradia Estudantil da Unesp de Assis/SP também tem um canteiro, além de abrigar uma composteira que gera terra fertilizada para todas as outras hortas.

A Moradia Estudantil da Unesp de Assis/SP também tem um canteiro, além de abrigar uma composteira que gera terra fertilizada para todas as outras hortas.

A Moradia Estudantil da Unesp de Assis/SP também tem um canteiro, além de abrigar uma composteira que gera terra fertilizada para todas as outras hortas.

A Moradia Estudantil da Unesp de Assis/SP também tem um canteiro, além de abrigar uma composteira que gera terra fertilizada para todas as outras hortas.

Na E.E. Professora Cleophânia Galvão da Silva, em Assis/SP, o NU.L.O., com a ajuda do Grêmio Estudantil da escola, criou hortas em pneus atrás do prédio de sala de aulas, perto da quadra.

Na E.E. Professora Cleophânia Galvão da Silva, em Assis/SP, o NU.L.O., com a ajuda do Grêmio Estudantil da escola, criou hortas em pneus atrás do prédio de sala de aulas, perto da quadra.

Na E.E. Professora Cleophânia Galvão da Silva, em Assis/SP, o NU.L.O., com a ajuda do Grêmio Estudantil da escola, criou hortas em pneus atrás do prédio de sala de aulas, perto da quadra.

Na E.E. Professora Cleophânia Galvão da Silva, em Assis/SP, o NU.L.O., com a ajuda do Grêmio Estudantil da escola, criou hortas em pneus atrás do prédio de sala de aulas, perto da quadra.

Anúncios